Pular para o conteúdo principal

Postagens

SOA - Service Oriented Architecture (Arquitetura Orientada a Serviços)

O SOA representa uma nova geração da plataforma da computação distribuída.

SOA é uma filosofia de TI que visa facilitar a integração entre sistemas, orientando a criação e a disponibilização de soluções modulares e fracamente acopladas baseadas no conceito de serviços.

É um estilo de arquitetura de software cujo princípio fundamental prega as funcionalidades implementadas pelas aplicações devem ser disponibilizadas na forma de serviços. Freqüentemente estes serviços são conectados através de um “barramento de serviços” que disponibiliza interfaces, ou contratos, acessíveis através de Web Service ou outra forma de comunicação entre aplicações.


::benefícios...
Facilidade de criar/controlar processos, diminuição de redundâncias (em todos os níveis), aumento da capacidade de expandir operações.  Muitos são as vantagens de se implementar SOA, abaixo descrevemos alguns:



::onde atuar...

Dificuldade de comunicação entre aplicações, dificuldade de gerenciamento de TI e Processos de Governança, são pr…
Postagens recentes

CVS X SVN - Características

Esta postagem tem como objetivo fornecer insumos comparativos entre duas ferramentas SCM (Software Configuration Management): CVS e SVN. Sua principal finalidade é auxiliar a tomada de decisão durante a migração ou não do SCM atual, CVS, para o SVN.
Nele juntei pontos importantes encontrados em várias referências encontradas sobre o assunto. 
Características CVS x SVN (Subversion)
O Subversion foi construído pensando em incorporar os conceitos do CVS e corrigir suas limitações.
O Subversion utiliza banco de dados Berkeley BD, permitindo operações eficientes e em com grande número de arquivos. Seu servidor pode fornecer cópias de segurança sem que seja necessário desligá-lo. O CVS utiliza um arquivo para cada arquivo versionado, fazendo com que a operação possa ser bastante lenta (lockfile lento, pesado).
Ao contrário do CVS que não permite um controle de versão dos diretórios, o SVN permite um controle de histórico da mesma forma que mantém o controle dos arquivos. Quando se deseja mover a…

DISTINCT x UNIQUE, existe diferença?

Não.

"Utilize DISTINCT ou UNIQUE se você quiser que o Oracle retorne apenas uma cópia de cada conjunto de linhas duplicadas selecionadas (estas duas palavras-chave são sinônimos). As linhas duplicadas são aquelas com valores correspondentes para cada expressão na lista de seleção."
UNIQUE é uma função do ORACLE e não funcionará em outros bancos de dados (MySQL, PostgreSQL, etc...)
Fonte: Oracle9i SQL Reference Release 2

Passo para criar um certificado digital através da JDK (Keystore, keytool) e configurar o Tomcat para usar esse certificado

Bom essa postagem é bem simples e rápida. Alguns amigos me pediram um auxílio para criar um certificado digital para ser usado em um webservice.Segue um pequeno passo-a-passo que encontrei a um bom tempo (em algum lugar da internet) que foi de muita ajuda.PRIMEIRO PASSO (Comandos para criação do Keystore):

Keytool –genkey –alias –keyalg rsa –keystore



SEGUNDO PASSO (Comandos para criação do csr):

Keytool –certreq –keyalg rsa –keysize 1024 –alias –file tissnet.csr –keystore



TERCEIRO PASSO: Editar o arquivo .csr e copiar o conteúdo para enviar para a Certsign através do formulário no site.



QUARTO PASSO: Após receber o certificado da Certsign, salvar o conteúdo em um arquivo com a extensão .cer, importar através do comando:

keytool -import -alias -keystore
-trustcacerts -file



QUINTO PASSO: Configurar o arquivo server.xml, adicionando:

" keystorepass="" debug="0" scheme="https" secure="true" br="">
Connector port="8443" maxTh…

Problemas para criar cliente java de um webservice gerado no delphi

Neste post irei relatar aqui problemas que ocorreram quando tentava criar um cliente em Java de um webservice gerado no Delphi.

Por algumas vezes já precisei trabalhar com Webservices, como servidor e como cliente. Sempre usando tecnologias do JAVA, algumas vezs .NET.

Recentemente, precisei criar um cliente para um serviço desenvolvido em Delphi executado a partir de uma dll.
Para minha surpresa tive problemas na implementação, para uma surpresa ainda maior encontrei muitos programadores na internet com este mesmo problema que será aqui relatado.
Essa dificuldade e o pouco material encontrado sobre o assunto serviram de motivação para publicá-lo aqui.

Problema:
Comecei salvando o wsdl do serviço, como sempre faço, e através do Eclipse (IDE de desenvolvimento Java) com alguns plugins, WSDL2Java, da API do APACHE AXIS 1.3 tentei gerar o cliente e não obtive êxito.
O erro apresentado era sempre esse:
IWAB0399E Error in generating Java from WSDL: WSDLException (at /definitions/binding/operation…

Links importantes